Não existe amor impossivel quando a gente quer...

sábado, 13 de junho de 2009

Itazurana Kiss ou ainda a sua adaptação em Live Action, It Started With a Kiss, é aquele tipo de série que todos nós adeptos de uma boa comédia romântica amamos e idolatramos. Porque?

Simples!...Porque é fofo, engraçado e emocionante. É uma daquelas séries que faz a gente ter compulsivas crises de riso e choro, tudo ao mesmo tempo, enquanto assistimos.
Na sua versão Live Action (nome dado a séries reais baseadas em mangá), nossa personagem principal é Xiang Qin (Ariel Lin) uma atrapalhada, inocente e otimista aluna do segundo grau que desde a primeira vez que encontrou Zhi Shu (Joe Cheng) em uma reunião para orientação de calouros, apaixonou-se pelo gênio com QI de 200. Depois de 2 anos ela finalmente cria coragem e se declara para ele, mas Zhi Shu não aceita e a humilha na frente de toda a escola.
Nesse mesmo dia um terremoto destrói a casa de Xiang Qin. Felizmente um antigo amigo de escola do pai dela fica sabendo da tragédia e os convida a morarem um tempo em sua casa. Chegando lá, Xiang Qin descobre que o bondoso tio Li na verdade é pai do Zhi Shu.
Morar na mesma casa dará a Xiang Qin uma nova chance? Ou o comportamento frio e distante de Zhi Shu acabará com o amor? E o que acontece quando ela ganha uma rival?

Nota da autora da resenha: It Started With a Kiss é em todos os sentidos uma série contagiante. A história de amor platônico de Xiang Qin por Zi shu é comovente e carrega a mensagem de nunca desistir dos seus sonhos por mais difícil que pareça ser.
De inicio podemos perceber as milhares de diferenças que existe entre o “casal”. Por um lado Xiang Qin, garota de classe média baixa, filha única que perdeu a mãe cedo demais e mora sozinha com o pai, é “meio” burrinha e por causa disso estuda na classe F (classe que reúne todos os alunos medíocres em matéria de aprendizado do colégio), sempre desastrada com tudo é sensível e otimista, seu melhor amigo Jin Yuan é hilário e tão maluquete quanto a própria Xiang Qin, faz de tudo e arma todas as confusões para conquistar sua amada. Tem também as duas melhores amigas da nossa protagonista, que estão sempre apostos para ajudar nas milhares de confusões que ela se mete.

Por outro lado temos o lindo garoto prodígio Zi Shu, de classe média alta mora com os pais e o irmão mais novo. Sua mãe, por sinal, sempre hilária e tentando achar uma candidata ideal para o filho (No decorrer da trama ela é de extrema importância para o casal ter um final feliz). Zi Shu tem personalidade fria e é muitas vezes arrogante com as pessoas a sua volta. Todas as garotas são loucas por ele, mas o garoto com QI de 200 não dá bola para nenhuma.
O legal em It Started With a Kiss (que foi ao ar em Taiwan em meados de 2005) é que podemos ver toda a trajetória dos personagens se entrelaçarem e se arrastar por quase todas as fases da vida deles. Sim, porque se de início tudo começa no colegial com os personagens ainda na adolescência, a trama vai evoluindo e passando por etapas importantes da vida adulta dos mesmos.
"They Kiss Again" é a continuação de "It Started with a Kiss". Nessa segunda temporada podemos ver a vida de casados de Xiang Qin e Zi Shu, a lua de mel imperdível e as confusões que ambos ainda se metem. Reviravoltas acontecem na vida matrimonial do casal como a profissão de médico de Zi Shu, sempre atarefado e sem tempo para nada e Xiang Qin que decide se tornar entre trancos e barrancos enfermeira do mesmo hospital que o bem sucedido marido. Um novo rival assombra a vida “tranquila” do casal e desta vez é Zi Shu quem tem que tomar cuidado para não perder a amada. Enquanto isso uma gravidez inesperada acontece e muda a vida do casal para sempre.
They Kiss Again foi produzido em meados de 2008 e além da China foi ao ar no Japão e na Coréia, sempre repercutindo grande sucesso por onde passou. Ariel Lin ganhou o prêmio de Melhor Atriz do ano no Golden Bell Awards, celebrado no dia 31 de outubro de 2008, interpretando Xiang Qin em It Started With Kiss e They Kiss Again.
Apesar do Live Action ser chinês, a sua história original é japonesa. It Satarted With a Kiss foi adaptado do mangá homônimo japonês Itazurana Kiss. O manga foi publicado entre 1990 e 1999 e foi um título popular importantíssimo de comédia romântica shoujo da época. No entanto, infelizmente os seus fãs nunca tiveram a chance de ver o final da série, devido à morte prematura da Mangaká Tada Kaoru (criadora da série). Mas em meados de 2007 a versão da série em anime foi produzida e seus novos criadores elaboraram um final mais que apropriado, que acarretou imenso sucesso no Japão. O enredo da versão animada é o mesmo do manga e do live action. O anime Itazurana kiss é diversão garantida para os adeptos de um bom shoujo.
Por isso, vale a pena ver tanto a versão live chinesa quanto a versão animada japonesa dessa história de amor hilária e surpreendente. É uma boa dica para passar bons momentos na frente do PC....aproveitem.



Trailer com as melhores cenas de It Started With a Kiss:

9 comentários:

João Paulo Pontes on 13 de junho de 2009 12:40 disse...

otimo blog.

parabens.

Aline on 13 de junho de 2009 19:29 disse...

Oi menina!
Não existe amor impossível..Bom questinamento(tenho minhas dúvidas sobre isso.
Então curtiu o dia dos namorados bem acompanhada do seu amor,que legal!Eu tbm fui ao cimema ver Anjos e Demonios( coincidência), mas com a minha mãe!
Tô sem namo no momento...E segue fazendo frio por aqui! Vi que choveu bastante por aí quinta passada.
Ah me encaixo na cara de pau jornalística sim!Futura colega de profissão!

Beijoatélogo!

Scarlett O`Hara on 14 de junho de 2009 04:04 disse...

Oi, Natalia.
Também adoro um romance.
Bjks!

henrique teixeira on 16 de junho de 2009 09:38 disse...

Vc ama cultura ASIATICA né?
Maravilhosos posts vc arrasa


risoso


xxx henrique teixiera

Prixty on 16 de junho de 2009 12:28 disse...

né isso? tudo passou tão rápido... vou relatar em post. *-*'

aah, já vi várias fotos desse dorama... ou é Live? xD
mas nunca assisti, minha lista tá tão grande que me impede de ter vários sonhos de consumo. DDD:
beem que eu sabia que conhecia esse nome. já ouvi falar da versão anime também. uaheuaheahehaheauhea. xD


http://www.prixty.blogspot.com

Prixty on 16 de junho de 2009 12:55 disse...

auehuahehaehahuea. eu também não me identificava muito, até que comecei a baixar e gostei, :D
nussa, to com Death Note aqui pra assistir há tempos e não tenho disposição. xD
ah, o Guren MK II. ele é ótimo. *-*
auehuaheuauheahea. que nada, somos otakus assumidas. :D

sim, o próximo post vai ser mara. *-*



http://www.p-helloworld.blogspot.com

Deeeh _ on 18 de junho de 2009 04:55 disse...

eu ja viiiiii isso!
eu tenho uma amiga q é louca por essas coisas japonesas e um dia me chamou p ver.
amei *.*
beijooocas :*

Anônimo disse...

E quando nunca se ama alguém? Deve ser muito bom se apaixonar!

Anônimo disse...

Também deve ser muito bom amar e ser amado!

Postar um comentário

 

Copyright © 2009 Grunge Girl Blogger Template Designed by Ipietoon Blogger Template
Girl Vector Copyrighted to Dapino Colada